homecontato


YEMANJÁ
O Príncipio Gerador

 
Oxalá | Xangô | Yori | Yorimá | Yemanjá | Oxossi | Ogum
 

YEMANJÁ é a representação da no seu todo como um duplo gerante. Ela traz as características de globalidade conferidas pela representação do envolvente líquido como uma preparação essencial do mundo físico, proporcionado condições especiais para o surgimento da vida através das águas do misterioso mar. É a Deusa das Águas, Mãe de todos os orixás, manifestação da procriação, da restauração, das emoções, da fecundidade. Apresenta-se diante da natureza como o aspecto feminino da divindade e no inconsciente do ser humano, como o sagrado tipo mãe, matriz, movimento criador. Representa também, pelo aspecto de água doce, o leite generoso da mãe que é vital para dar condições de geração à semente fecundada pelo Sol (força de Oxalá).

Simbolicamente dizemos que é o princípio que atua na natureza representado pelo seu nome.
YE= PRINCÍPIO GERANTE ORDENADO + MAN= A ÁGUA + JÁ= MATRIZ EM MOVIMENTO

Pode-se dizer então que YEMANJÁ É A FORÇA QUE ANIMA A MATÉRIA, TRANSFORMANDO A ENERGIA ESPIRITUAL EM CÓSMICA E NO ÉTER EM VIDA.

É a linha de força que agrupa os espíritos de caboclas, sereias ou janaínas, atuantes nas águas que envolvem nosso planeta e que regem a força emotiva através da virtude, da ternura materna, da misericórdia e do amor.

Suas LEGIÕES :

1. DA SEREIA DO MAR (ENCANTADAS)
2. CABOCLA YARA (RIO)
3. CABOCLA NANÃ (FONTE)
4. CABOCLA YANSÃ (CHUVA/ VENTOS)
5. CABOCLA OXUM (CACHOEIRAS)
6. CABOCLA YNDAIÁ (LAGO)
7. CABOCLA OU SEREIA JANAÍNA (MAR)

 

Ervas para Banho - palma de São José, lágrimas de Nossa Senhora=rosário, aguapé, algas, pariparoba, hortelã, jasmim, alfazema, angélica, manjericão, pétalas de rosa branca, malva. As ervas mais comuns usadas nos trabalhos desta linha são: qualquer planta aquática, folhas de lágrimas de Nossa Senhora, espada de Yansã, folhas de bambu, camomila, hortelã, levante, etc.

Amaci - água de mina mais as ervas acima.

Cor das Guias e Velas - Conforme a vibração, desde contas azuis transparentes, ou pérolas, seixos de rios, madrepérola, ou conchas para entidades do mar.

Saudação - IODOCIABA! (O doce iabá)

Planeta Regente - Lua

Arcanjo - Arcanjo Gabriel

Sincretismo - Nossa Senhora dos Navegantes (Nossa Senhora das Candeias)

Data de Comemoração - 08 de Dezembro

Dia da Semana - Segunda-feira

Cor Vibratória - azul em suas variações e branco

Representa para o ser humano o quinto raio cósmico - o conhecimento concreto

Chácra correspondente - Frontal

Pedra correspondente -

Local para oferendas ou encontro vibracional - Águas do mar, fontes, rios cachoeiras, e conforme linha de atuação.

Ponto Cabalístico ou Ponto Riscado -

 

  1. Sereia do Mar
    Legião de Caboclas sereias que trabalham sobre e sob as águas, manipulando as energias misteriosas do fundo do mar, fundo do rio e fundo do lago. Apresentam formas encantadas que irradiam as forças relativas à água. Vibram na cor branca transparente e aceitam em suas obrigações pano branco com bordas azul claro, vela azul claro, fitas azuis e brancas, espelhos, pentes, flores brancas, alfazema, sândalo, etc. tudo entregue em águas profundas dos mares, rios e lagos.



  2. Cabocla Yara
    Legião das Caboclas que trabalham na beira dos rios e manipulam as energias joviais, compreendendo a força entre a cachoeira e a desembocadura do mar, na fusão das águas doce com água salgada. Vibram nas cores branca e azul escuro e aceitam obrigações na beira dos rios. O material normalmente utilizado em suas obrigações consta de pano azul escuro, fitas brancas ou azuis, vela azul escuro, flores (rosas, lírios, copos-de-leite, crisântemo, açucena, etc.) mel de abelha, alfazema e seiva de rosas. Essas caboclas são muito ligadas a Ogum.



  3. Cabocla Nanã
    Saudação - NANÃ SALUBA, SALUBA-NANÃ.
    Sincretismo - SANT ANA
    Comemoração – 26 de julho
    Parte do corpo - protege a barriga, útero (parte genital feminina).
    Banho - Cipreste (folhas), manacá, quaresmeira.
    Esta legião de caboclas trabalha na beira das fontes, na terra úmida, compara a lama que modela que se transforma. Manipula as energias que protegem os lares, trazendo-lhes paz e
    compreensão. São também conhecidas por BURUQUÊ, e suas poderosas forças desfazem malefícios, levando a paz e saúde aos lares onde existe tumulto ou doença. São protetoras das esposas, mães e professoras. Vibram nas cores azul claro e lilás, aceitando em suas obrigações pano azul com bordas brancas ou lilás, vela azul ou lilás, rosas brancas, violetas, lírios, fita lilás, seiva de alfazema ou seiva de jasmim.




  4. Cabocla Yansã
    Saudação - EPARREI IANSÃ, EPARREI OYÁ
    Sincretismo - SANTA BÁRBARA
    Comemoração - 4 de dezembro
    Parte do corpo - Fígado, sangue
    Banhos - Umbaúba, levante, dormideira-flor vermelha, eucalipto, folhas de bambu, espada de Santa Bárbara.
    Legião que trabalha no tempo, temporal e na chuva, manipulando as energias que alimentam a resistência, as dificuldades da vida e a incompreensão. Elas protegem aqueles que carregam grandes responsabilidades e que precisam de grande resistência para trabalhos espirituais. Vibram nas cores vermelha e amarelo forte. (No candomblé marrom) Aceitam obrigações junto com Xangô, e também podem ser entregues no bambuzal ou pedra da cachoeira. O material utilizado geralmente consta de pano branco, velas amarelas ou vermelhas, rosas amarelas, palmas vermelhas, ou de qualquer flor amarela, fitas amarelas, seiva de alfazema, champanhe rosé ou vermelha.




  5. Cabocla Oxum
    Saudação - ORA AIÊIÊ Ô
    Sincretismo - N. Sra. da Conceição Aparecida (alguns aceitam N. Sra. da Conceição)
    Comemoração - 12 de Outubro
    Parte do corpo - Todo o rosto, baço, veias do coração, patrona do baixo ventre, circulação sanguínea (rios)
    Cor das guias - Amarelo ouro, Azul escuro ou cor de rosa
    Deusa da beleza, das artes, protetora das águas doces, relacionada à maternidade e à sensualidade. Domina os rios e as cachoeiras e pela manutenção da sobrevivência de toda a natureza. Esta legião de caboclas trabalha na cachoeira e manipula as energias que movimentam a força do amor puro, da luz em movimento e irradiam as águas fluídicas que trazem os medicamentos espirituais de grande força. Aceitam obrigações na cachoeira ou na beira dos rios. O material de suas obrigações consta de pano azul-marinho (ou amarelo ouro ou cor de rosa conforme determinação do mentor espiritual) com bordas brancas, velas da cor do pano, rosas brancas, lírios, copos-de-leite, seiva de alfazema e fitas da cor do pano.




  6. Cabocla Yndaiá
    Esta legião de Caboclas trabalha nos lagos e manipula as energias que nascem e permanecem puras e tranqüilas, circundadas e protegidas pelas energias da mata (sobrevivência) da pedra (justiça), do tempo (chuva) e da paz (o céu). Elas recebem um pouco de cada uma destas forças e geram uma energia ao mesmo tempo infantil, pura, vibrante, justa e farta. Têm muita afinidade com a força de YORI e por isso seus trabalhos envolvem muita magia. Vibram nas cores azul-claro e rosa e aceitam obrigações à beira dos lagos. O material normalmente utilizado em suas oferendas consta basicamente de pano branco com bordas azuis, vela azul claro e rosa, flores como rosas, fitas azuis e rosas, seiva de alfazema e mel de abelha. Foi identificada por videntes como uma cabocla que se veste de saia e cocar prateados, de aparência jovial, andando sobre as águas, carregando uma âncora, ou conduzindo uma barca em forma de Lua.



  7. Cabocla ou Sereia Janaína
    Também conhecidas como Mãe D’Água, as caboclas ou sereias desta legião manipulam as energias da geração e do amor conjugal. Vibram na cor azul-claro transparente, como o reflexo do céu nas águas do mar. Aceitam vela azul-claro, pano azul-claro, espelhos, pentes, perfume e flores de todas as espécies, tudo entregue na beira do mar ou na sétima onda. Estas caboclas ou sereias são muito ligadas à vibração de Oxalá.



 

Elizabeth Miriam N.Passos
Diretora Espiritual FSMYBZ

 

 

Topo


 

 

Oxalá | Xangô | Yori | Yorimá | Yemanjá | Oxossi | Ogum


   
KimDesign